top

Principal

Blog

ABR 19 2011
Comentar Busca Avancada Em PDF

Um trânsito mais gentil só depende de educação

A seguradora Porto Seguro lançou uma campanha muito legal titulada "trânsito mais gentil", e está distribuindo adesivos e promovendo propagandas de conscientização, veja: 

 

 

O meu preferido é este do Jackson Five, ilário... 

 

Esta campanha tem uma página onde você pode obter mais informações como dicas, toques para celular da campanha, papéis de parede. Inclusive há uma interessante pesquisa sobre a influência das música sobre os motoristas. Uma pena que só mostram locais para a retirada de adesivos em São Paulo, mas nas demais localidades da seguradora também é possível obtê-lo.

Agora falando sobre o que interessa, um trânsito melhor é realmente um trânsito mais educado. Lembro-me bem de quando eu visitei os Estados Unidos, onde tive a oportunidade de dirigir lá, e sentir na pele como é diferente conviver num ambiente em que as pessoas educadas são maioria.

Apesar de o trânsito lá ter algumas regras muito estranhas para mim, um brasileiro, percebi com o tempo que com educação o trânsito lá que me pareceu a primeira vista enrolado, na verdade é mais ágil e flui melhor.

Quem não sabe do que estou falando já deve estar imaginando "mas é claro, lá existem mais vias, etc..." porém isso é um equívoco, nem todas as vias têm 3 pistas de cada lado. Para mim, o que faz o trânsito lá fluir sem estresse é a uniformidade com que as pessoas dirigem, numa rodovia onde a velocidade máxima é 80 milhas, todo mundo anda muito perto das 80 milhas, então ninguém perde tempo com ultrapassagens. Isso é bom também porque dá pra saber a hora que vai chegar ao destino.

Nas avenidas onde há mão e contra-mão, é possível fazer conversões à esquerda, mesmo com o fluxo do lado contrário ocorrendo, mas é claro, isso requer respeito e educação. Nos Estados Unidos também não há necessidade de os sinaleiros indicarem exatamente quando você pode arrancar ou não, aqui no Brasil existem as faixas duplas, onde muitas vezes o sinal libera para uma das faixas, principalmente para conversões à direita, lá isso não seria necessário, imagino que pra eles isso já é óbvio, então eles tomam cuidado e seguem!

Agora o que realmente prova a minha teoria da educação no trânsito, é o arranque nas esquinas e cruzamentos. Lá reza a regra de quem chega primeiro, sai primeiro, não existe preferencial. Pra começo de conversa, quase todo mundo lá para no "STOP", ou no mínimo reduz drasticamente a velocidade para verificar se existe algum carro já parado. A partir deste ponto, você verifica se há algum carro que chegou depois de você, e só arranca depois que todos os carros que já estavam no cruzamento tenham arrancado, a não ser que o outro te dê passagem.

Como é de se esperar quando alguém te faz uma gentileza, as pessoas nos Estados Unidos agradecem o gesto levantando a palma da mão, nem mesmo incomodam os outros com a buzina!

A educação e os gestos de agradecimento também estão presentes nas conversões esquisitas à esquerda, nas saídas de estacionamentos, na redução da velocidade para que dê tempo do outro fazer a manobra, e por aí vai...

Porém ninguém gosta de ser desrespeitado, fica difícil respeitar os outros quando a toda hora você se sente desrespeitado. É por isso que quando eu cheguei dos Estados Unidos eu fazia mais destes gestos, e com o tempo, a convivência no ambiente hostil faz você se tornar mais um. Temos que a toda hora controlar os nervos, a opção que nos resta é colocar uma música calma e arrumar um ar-condicionado!

Newsletter
Assunto: Geral | Comentários(0) | Postado por André EXPANDIR
MAR 17 2011
Comentar Busca Avancada Em PDF

7 motivos para você comprar um projetor e não uma TV LCD ou LED

Se você está namorando uma TV grande, gosta de assistir filmes, jogos, e é ligado em tecnologia, você tem o perfil ideal para trocar o seu sonho de consumo por um projetor... Saiba porquê a seguir.

Posso resumir os motivos a 7 principais, são eles:

  1. O preço do projetor é menor
  2. A vida útil do projetor é razoável para quem aprecia filmes
  3. A resolução alta das TVs atrapalha
  4. As transmissões digitais FullHD vão existir?
  5. É possível sintonizar TV analógica e TV digital para assistir no projetor
  6. Custo por polegadas do projetor é imbatível
  7. O projetor aproveita seus equipamentos "obsoletos" e manterá compatibilidade com os que virão!

Para não ficar uma postagem muito genérica, e vazia, com os preços em intervalos, vou comparar 4 equipamentos aproximadamente equivalentes, são eles, um Projetor Benq MP515ST, uma TV LCD/LED PHILIPS 40PFL5605D, uma TV Plasma LG 50PJ350, e uma TV LCD Sansung LN32C400.

 

  Benq MP515ST PHILIPS 40PFL5605D LG 50PJ350 Sansung LN32C400
Preço R$ 1.450,00 R$ 1.990,00 R$ 2.070,00 R$ 1.169,00
Polegadas 27" ~ 300" 40" 50" 32"
Caracteristicas  DLP, Alto falante: 5W x 2, 2.4 kg DTV, 120Hz,DLNA, HD N.M., 2 ms DTV, 600Hz, TruMotion, 0,001 ms DTV, DNIE+, DNSe, EPG, LNA plus
Resolução (640 x 480) a (1600 x 1200) 1920 x 1080 1366 x 768 1366 x 768
Contraste 2.600:1 50.000:1 3.000.000:1 ??
Conexões VGA, P2, RCA, S-Video,  RS-323, HDMI VGA, RGB, RF, S/PDIF, RCA, USB, HDMI VGA, RGB, RCA, USB, RF, RS-232, HDMI VGA, RGB, P2, RCA, RF, USB, HDMI
Consumo 275W 110W 350W 120W

 Bom, atacando cada motivo de maneira pontual, digo:

1) Você gasta R$ 620,00 a menos comparando com a LG 50PJ350 (maior de todas) para adquirir um projetor que oferecerá a 1 metro de distância da parede 55" de tela!

2) Para quem já tem aquela TVzinha no quarto pra ajudar a dormir, e gosta mesmo é de assistir filmes, jogos, shows e entretenimento, posso dizer que as 3.000 horas de uma lâmpada do Benq MP515ST rendem 4,1 anos de uso calculando 2 horas de uso diárias (um filme por dia); e 15,6 anos calculando 4 horas por final de semana (2 filmes a cada final de semana). De acordo com o meu uso, meu projetor vai ficar 10 anos sem manutenção!

Se depois de 10 anos você se incomodar em pagar aproximadamente 1/3 do valor para adquirir outra lâmpada para o seu projetor, acho melhor você repensar a compra de uma TV LCD, pois se ela precisar de manutenção, com certeza o preço do reparo em proporção ao valor da TV é bem maior. Um link para você pensar um pouco a respeito: TV dura anos.

3) É estranho pensar que a resolução alta das TVs atrapalha, mas é verdade, basta comparar. Se você tem costume de baixar vídeos na internet, ou simplesmente tem costume de ver vídeos no youtube, ou ainda usa o seu DVD, a imagem na TV pode ficar pior do que quando vista numa TV de tubo ou no próprio projetor; com mais definição, você percebe mais a digitalização, é por isso que existem os novos aparelhos equipados com Upscaling.

Além do mais, se você quiser realmente usar a sua alta resolução, contabilize uma mídia blu-ray custando 6x mais que uma mídia DVD (para os filmes comprados isso cai para aproximadamente 60% mais), um cabo HDMI (R$ 70,00 ~ R$ 250,00), e o player de alta definição (R$ 250,00 ~ R$ 12.490,00). Uau!

Obs: Atribuo a melhor visualização das imagens digitais de baixa e média qualidade nas TVs de tubo e nos projetores ao fato desta imagem digital ser exposta em um "meio analógico". O processo de estimular os elétrons para formação das imagens das TVs de tubo é analógico, é por isso que este tipo de TV não tem grande definição, em resumo é como se as bordas das formas na televisão ficassem borradas.

Algo semelhante acontece no projetor, de alguma forma as luzes que formam as imagens na tela se misturam um pouco, provocando um efeito degradê entre as cores. Isso faz com que os defeitos da digitalização, aqueles quadrados, sejam minimizados. É, nem sempre o digital é melhor!

4) De acordo como padrão brasileiro de TV digital, poderão ser transmitidos de 1 canal FullHD a 8 canais SD, e de fato transmissão FullHD só acontecerá após toda a transição de analógico para digital, ou seja 2016 pra frente, daqui a no mínimo 6 anos... E isso se a transmissora não optar por multiprogramação, o que é bem provável, pelas possibilidades de mandar vários programas em um só canal, ou várias câmeras de um jogo pelo mesmo canal.

Além de ter que esperar no mínimo 6 anos para receber o sinal FullHD, quem comprar TVs com conversores agora, ficará sem a interatividade tão falada, e ao mesmo tempo desconhecida. Isso porquê o Ginga ainda é um produto inacabado, e as transmissoras ainda nem adaptaram sua estrutura para a TV digital, interatividade então... sei lá quando!

Quem comprar com opções de interatividade agora, precisará de no mínimo atualizações de Firmware para suportar o produto acabado, isso se for possível!

5) As transmissões tanto analógica quanto digital podem ser aproveitadas num projetor, isso porquê é possível ligar um conversor digital, ou um sintonizador no projetor da mesma forma que são ligados nas TVs. E aquele seu vídeo-cassete encostado pode ser ideal para você sintonizar os canais analógicos e curtir a programação até 2016.

Para quem usa TV a cabo, quem têm aquele sintonizadorzinho, como a SKY, NET, e outros, todos estes são compatíveis com o projetor.

6) Em relação a custo por polegadas é até sacanagem eu falar. Fazendo as contas, teríamos a PHILIPS 40PFL5605D de 40" custando R$ 49,75 por polegada, a LG 50PJ350 de 50" custando R$ 41,40 por polegada, a Sansung LN32C400 de 32" custando R$ 36,53 por polegada e o campeão projetor custando R$ 4,84 por polegada! Parei por aqui...

7) Com o projetor sua sala multimídia fica bem mais compatível, você poderá interligar vários aparelhos, sejam eles analógicos ou digitais, aproveitar para ligar aquele somzera da sala pra curtir um filme vibrante, ou seu home theater de última geração, a escolha é sua! A mesma coisa acontece com o seu vídeo-cassete e o DVD. E também é claro, sempre deixe uma ponta VGA e P2 para ligar um computador ou notebook.

Outra coisa legal do projetor é aproveitar ao máximo o tamanho da sua tela tanto em 4:3 quanto em 16:9. Acho que todos os projetores projetam automaticamente esses formatos, o máximo que você precisará fazer é regular a distância entre o projetor e a tela quando cambiar os formatos.

Conclusão e considerações

Na minha opinião, a compra de uma TVzona só é justificável se você não tem outra televisão em casa. Para o caso de um incremento, por todos os motivos citados acima, o projetor é mais interessante.

A pior característica de um projetor é o baixo contraste que é facilmente contornado bloqueando as entradas de luz, com cortinas por exemplo. Lembrando que com um projetor de boa qualidade 2200 lumens ou mais, é possível ver imagens claras, como as de um jogo de futebol sem problemas até mesmo em ambientes iluminados. O que é desconfortável é assistir aquele filminho escuro, de qualquer forma filme de terror com luz não vale!

As telas de projeção são um custo a mais, e algumas não são baratas, porém existem pessoas (como eu) que utilizam uma cortina blackout como tela, e estão satisfeitos com o resultado. Uma outra opção, é fazer um painel fixo com um madeirado tipo MDF na cor branca ou um laminado decorativo (fórmica) branco também são uma opção boa e barata! Para os que estão planejando a casa agora, ou vão reformar, existem também tintas específicas para projeção.

Como o projetor tem apenas uma entrada de cada tipo, se você desejar ligar vários equipamentos de uma só vez um switch de sinal será necessário, veja os links: Cabo HDMI, HDMI gigante, HDMI switch, Cabo VGA/RGB, Cabo VGA, VGA com cabo de rede, VGA switch, VGA switch, AV switch, Organizador de cabos e este só por curiosidade.

Ver para crer

Como é difícil mudar a ideia de algumas pessoas, resolvi colocar fotos do ambiente em que uso o projetor. As fotos foram retiradas às quatro da tarde. Trata-se de um ambiente claro, com portas de vidro, porém é necessário bloquear apenas as luzes que insidem diretamente na tela. O filme está parado numa sena onde os objetos estão pequenos, é o Vera Cruz, de 1954, rodando no meu DVD chinoca veja:

Luz na janela + flash
Nesta, com luz da janela e flash da câmera ativado.

Luz da janela - flash
Aqui com a luz da janela porém sem o flash da câmera.

Outra entrada de luz
A sala é conjugada com uma de jantar, e lá está mais outra entrada de luz.

Sem luz da janela
Nesta o blackout está fechado.

Entrada de luz
Porém ainda existem entradas de luz, não diretamente...

Fechado na tela
Aqui angulo fechado na tela.

Newsletter
Assunto: Geral | Comentários(12) | Postado por André EXPANDIR
JAN 14 2011
Comentar Busca Avancada Em PDF

Transforme o seu lixo em peças úteis! Estrutura de robô móvel

Resolvi fazer esta postagem antes que chegue fevereiro, pra quem ainda estiver de férias, e precisar de uma ocupação divertida e ecologicamente correta!

Trata-se de uma estrutura de um robô móvel, parecido com um carrinho, só que com apenas 3 rodas, sendo uma delas sem tração nenhuma... A famosa "roda boba"...

robo movel em varios angulos

Esta estrutura é ecologicamente correta porque utiliza carcaça de fonte de energia de computadores, junto com peças de impressoras e mouse estragado como matéria prima!

robo feito da carcaca de fontes

Além da micro retífica, essencial para fabricar o brinquedinho, você precisará também de cola Araldite, disposição e habilidade para confeccionar manualmente todas as peças e encaixá-las devidamente... É bem mais divertido que LEGO ou qualquer outro Kit, porque é feito por você, exclusivo!

robo de sucata eletronica

As engrenagens e motores de passo são o que movem o esqueleto, impressoras estão recheadas delas. Ainda não coloquei a lógica do brinquedo, por falta de tempo e de possibilidades, mas em breve farei, daí depois posto o vídeo!

robo rodinhas e engrenagem de impressora

É isso ae, utilizar a criatividade para criar algo interessante, e de quebra reduzir o lixo do planeta!

Newsletter
Assunto: Hardware | Comentários(0) | Postado por André EXPANDIR

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 

Feed RSS Boletim de novidades via email Siga-me no twitter
Lab de Garagem Lubuntu EspĂ­rito Livre Seja Livre .org

FRASE DO DIA

spacer

Nunca diga a Deus que você tem um grande problema. Diga a seu problema que você tem um grande Deus, que tudo fará por você.

Desconhecido


bottom